Rondônia, 23 de Abril de 2014

onde você está:

Homem atropela ciclista e dirige mais de 6km com corpo no para-brisa

Homem atropela ciclista e dirige mais de 6km com corpo no para-brisa

Publicado em 11/01/2014 19:30         atualizado em 11/01/2014 52:55

377 visualizações

Fonte: G1

Polícia

Um ciclista morreu após ser atropelado na noite de sexta-feira (10), na BR-116, na região do Atuba, em Curitiba. Com a intensidade do impacto, o corpo ficou preso ao para-brisa, mas isso não impediu que o motorista continuasse a dirigir por mais seis quilômetros. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista é um homem e estava embriagado. Ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Colombo, na região metropolitana da capital paranaense.


Segundo a PRF, o acidente foi no quilômetro 11 e o carro parou no quilômetro 17. O condutor  só desistiu de seguir, após ser cercado por outros carros que também trafegavam na região.


Ainda conforme a polícia, o teste do bafômetro indicou 2 miligramas de álcool por litro de ar. Este patamar é o máximo que o equipamento pode medir. O chefe da Comunicação Social da PRF no Paraná, Wilson Martinez, informou que esta foi a primeira vez que o teste do bafômetro mostrou nível tão elevado de embriaguez. Isso, destacou Martinez, fora de situações de testes e simulações.


Pela Lei Seca, quando o bafômetro indica até 0,33 mg/L, o motorista deverá pagar multa de R$ 1.915,30, terá a carteira de habilitação suspensa por até um ano e irá responder pela infração administrativamente. Quando o índice é superior a 0,34mg/L, o motorista é multado, no mesmo valor, preso e só poderá sair da cadeia após pagamento de fiança. Neste caso, explicou Martinez, dependendo das consequências da embriaguez, as autoridades competentes podem indiciar o motorista por outros crimes, como dano eventual.


A Polícia Civil informou apenas que será aberto um inquérito para apurar o atropelamento e morte do ciclista.

Homem atropela ciclista e dirige mais de 6km com corpo no para-brisa

Comentários